O processo criativo na direção de arte publicitária. – Café com Pernas

A Direção de Arte sempre foi uma area atrativa dentro da publicidade, porém o que não se comenta muito é sobre a responsabilidade e importância que um D.A. tem nos projetos da agência. Para os que ainda estão em formação universitária, existem alguns pontos interessantes na hora de se desenvolver. Hoje vou falar um pouco sobre processo criativo: é aqui que cada D.A. tem a oportunidade de se diferenciar, buscar em sua criatividade soluções eficientes para os projetos que está envolvido.

Na verdade toda pessoa é criativa, a diferença no D.A. é que ele trabalha com isso, portanto ele tem maior facilidade e também dá mais valor as ideias. Porém valorizar tanto a criatividade também pode ser um problema, afinal trabalhamos com prazos. Neste caso ter um processo criativo organizado melhora seu desempenho além de “valorizar seu passe” dentro da agência.

Experimente trabalhar da seguinte maneira:

organizeseuprocesso

Esqueça o computador, começe no papel

Utilizar primeiro o papel dá mais agilidade ao seu projeto, com ele você produz mais ideias em menor tempo.

Pesquise

Normalmente a pesquisa é feita no inicio do projeto, mas deixar ela como segunda etapa preserva suas ideias originais e trás melhor orientação de qual caminho vale a pena se aprofundar.

Faça o Raff

Um dos grandes responsáveis por atrazos e perda de tempo, sem dúvida é a utilização programas gráficos de forma prematura. A grande questão é: em uma agência, todos os integrantes tem um senso estético suficiente para interpretar um Raff (esboço) em um bate papo rápido.

Neste caso, porque perder tempo desenvolvendo o layout se você pode fazer alguns esboços e conversar com sua equipe para já definir o projeto?

Defina o padrão visual

Ter uma guide ajuda muito na hora de diagramar, principalmente se o projeto é grande (como um festival por exemplo). Para ganhar tempo, já defina cores, fontes, estilo e principais referências que servem de norte em seu projeto.

Utilize um geranciador de tempo

Na agência tudo gira em torno dos prazos, em muitos casos o prazo chega bem curto, por isso ter um gerenciador de tempo pode ajudar muito no acompanhamento do processo criativo. Uma vez que você conseguiu entender as etapas e determinar o começo e fim de cada uma, o gerenciador ajuda você a dividir o tempo de cada tarefa e não estourar o prazo.

Bom pessoal, é isso aí, o ano está só no começo, bons estudos e muitos projetos criativos para todos. Em breve volto pra conversar mais sobre Direção de Arte Publicitária.